Você sabe o que é Cogeração?

Geração Distribuída é a solução para o setor de energia?
1 de February de 2018
Como gerar a sua própria energia elétrica
23 de May de 2018

Combinação de eletricidade e calor para aumento da eficiência energética

Vamos reaver o conceito de Cogeneration? Ela se refere à geração simultânea de eletricidade e calor a partir do consumo de um único combustível. A sigla CHP significa Combined Heat and Power, que em português é cogeração, e originou o nome CHP Brasil, empresa brasileira de base tecnológica que utiliza como fonte de combustível para os seus geradores de energia a cogeração além de fornecer geração de energia elétrica, recupera-se o calor dissipado pelo gerador para a geração de energia térmica, de forma que este processo pode alcançar até 90% de eficiência energética total.

A ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica, através da  Resolução Normativa nº 235/2006 estabelece os requisitos mínimos para qualificar a cogeração. Com a  cogeração qualificada é possível se beneficiar das resoluções normativas nº 482/2012 e nº 687/2015 que permite a exportação de excedente de energia de autoprodutores através da minigeração distribuída, com gás natural.

A CHP Brasil possui alta eficiência em seus geradores de energia a gás, que só com a energia elétrica consegue-se alcançar 40% de eficiência elétrica e apenas recuperando o calor da exaustão do gerador consegue-se mais 25% de eficiência térmica, alcançando 65% de eficiência energética total, valor que já supera o mínimo exigido pela resolução da ANEEL para cogeração qualificada, mas se o cliente ainda precisar de mais energia, é possível recuperar a energia térmica adicional do líquido de arrefecimento do motor, superando 80% de eficiência energética total do equipamento.

Quais são os benefícios reais da cogeração a gás natural?

Segundo a Agência Internacional de Energia (IEA), a expectativa é de que a cogeração ganhe cada vez mais espaço no cenário mundial, com um aumento de 13% ao ano até 2050. Para este mesmo período, espera-se uma redução de até 17% de CO2. É claro que esta tecnologia não resolverá os problemas ambientais relacionados à poluição, mas temos aí uma grande contribuição.

Na geração de energia elétrica, como vimos, ocorre desperdício de mais da metade da energia, o que reflete em perda de eficiência e produtividade. Ou seja, com a implementação da cogeração, temos pela frente vantagens financeiras, operacionais e em redução de poluentes. Faz sentido, portanto, investir neste processo mais eficiente e sustentável, que ainda possibilita o enquadramento como minigeração distribuída onde é possível exportar o excedente de energia gerado crédito para a própria conta de energia ou exportando para terceiros obtendo-se além de economia, receita. Considerando que a minigeração, com a cogeração qualificada, contempla plantas de 75 kW até 5 MW, estamos falando de aplicações desde para um condomínio de pequeno porte até para uma indústria.

Naturalmente, você, leitor, já deve imaginar as vantagens financeiras por trás da cogeração de energia, certo? O benefício com a eficiência do processo leva a produção de uma energia elétrica confiável e de baixo custo, diminuindo a dependência do estabelecimento do fornecimento da concessionária de energia elétrica local. Por isso, indústrias, hotéis, hospitais, shoppings, condomínios e clubes têm investido nos geradores a gás como forma de economia e até geração de receita.

São notórias as vantagens da cogeração qualificada para os mais diversos grupos – desde ambientalistas e investidores, aos condomínios residenciais. Abaixo listamos algumas possibilidades de ganho com esta tecnologia que vem pedindo passagem no mercado:

  • Aumento significativo da eficiência energética;
  • Redução das emissões de CO2 e outros poluentes;
  • Economia de custos na conta de energia (elétrica e térmica);
  •  Geração própria, ou seja,  independência das redes de transmissão e distribuição;
  • Possibilidade de geração de receita financeira através dos créditos de energia

Em resumo, é notório que fontes de energia seguras, confiáveis ​​e acessíveis são fundamentais para auxiliar na estabilidade econômica, e no desenvolvimento das empresas e indústrias. O desalinhamento entre demanda e oferta de energia, com conseqüências nos preços, assim como as ameaças de mudanças climáticas às quais todos estamos suscetíveis, e ainda o desgaste da matriz energética atual, são grandes desafios para o setor. Contudo, o uso mais eficiente de fontes alternativas de energia pode ajudar a minorar o impacto dessas tendências negativas. E a cogeração pode representar uma tecnologia capaz de alcançar estes objetivos.

A CHP é uma empresa 100% brasileira que oferece soluções em geração de energia a gás.